segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Paixões que constroem

O mundo precisa das grandes paixões, não do tipo que fere os nossos princípios, mas as grandes paixões que nos tornam heróis, capazes de mudar o mundo para um mundo mais cheio de perguntas inquietantes que nos fazem buscar cada vez mais as respostas para interagir com a vida, com o belo, o bom, a alegria, a alma juvenil, a plena felicidade, que não nos fazem atropelar ninguém, e que nos faz olhar o outro como parte de nós.
O mundo precisa das grandes batalhas que, nos remova da zona de conforto a qual estamos aprisionados e, nos ponha frente a frente com as nossas ruínas, para que possamos desmoroná-las e, edificá-las novamente com novos ângulos através dos quais o mundo possa deparar-se com a potência e o vigor para que, todos, unidos, possam vencer os seus tropeços.
O mundo precisa das grandes vitórias geradas pelas grandes paixões.

19 comentários:

  1. Dziękuję za odwiedziny... z innych języków znam rosyjski. Angielski i niemiecki raczej słabo więc korzystam z tłumaczenia.
    Pozdrowienia z Polski... Eugeniusz

    ResponderExcluir
  2. O mundo precisa mesmo de tudo isso, porque o mar não está para os peixes!

    Obrigada pela visita, Sandra!

    ResponderExcluir
  3. Oi querida, você fez o comentário na postagem de baixo.kkkk
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dorli, depois eu percebi. Vou tentar resolver. Obrigada!!!!

      Excluir
  4. Penso que essa "paixão" é sinônimo de "força de vontade".
    Parabéns, Sandra, pelas sábias palavras .
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Não, não lindona, não sou mesmo nada homofóbico. Digamos que, por vezes, gosto de usar a palavra "abichanado" para retratar algumas situações ou acontecimentos.
    Obrigado pela visita e parabéns, muitos parabéns por este teu excelente blogue!
    :)))

    ResponderExcluir
  6. Oi, Sandra, achei lindo esse texto e principalmente esse trecho:

    "(...) nos ponha frente a frente com as nossas ruínas, para que possamos desmoroná-las e, edificá-las novamente com novos ângulos através dos quais o mundo possa deparar-se com a potência e o vigor para que, todos, unidos, possam vencer os seus tropeços."

    Nossas ruínas... sim, Sandra, e qualquer distração, a casa cai! E para levantar, reconstruir, vai um tempo, uma longa espera, sequelas... Por isso que penso no cuidado de cada um de nossos atos. E não tenho dúvidas que construir nossas vidas no embalo da paixão é delicioso, uma força extra!

    Beijão pra você daqui do sul, do frio!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Taís, pela visita e por ter apreciado o texto, que escrevo com o coração e a alma cheios de amor.
      Frio no sul, deve ser aquele frio, na concepção exata da palavra. Aqui, no nordeste, só temos friozinho, que é um bálsamo pra nossos corpos e alma, já imaginamos a chegada da primavera, quando tudo começa a aquecer, inclusive, os humores, se é que se pode falar assim.
      Beijão, anjo, e muitas bênçãos!!!!

      Excluir
  7. Tudo bem, não tem que pedir desculpa! Eu sei bem que aqui, neste mundo virtual, não se pode confiar em tudo, mas eu só ando aqui para me divertir e passar um pouco do meu tempo disponível que ainda me resta. Nada mais que isso!
    :)))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Jorge, pela visita mais uma vez. Se é pra se divertir, então, que o faça. Um dia abençoado!!!!

      Excluir
  8. Sandra, também acho e concordo com você! O mundo precisa de grandes emoções, emoções que constroem. Parabéns pela crônica!
    Tenha um ótimo fim de semana e apareça por lá!
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, amigo, pela visita. E agradeço pelo elogio. Passarei, sim, amo o seu cantinho e o que escreve me interessa muito. Uma noite abençoada e um ótimo fim de semana. Beijão.

      Excluir
  9. Sandra, minha querida! Desculpe por não ter lido adequadamente o seu comentário de ontem e, para me redimir, vim correndo responder sua pergunta. Lamento, mas quando um post, depois de um mês, vai para o arquivo os cometários são retirados. Mas, se quiser dar-me a honra de emitir sua opinião, pode fazê-lo em qualquer postagem - não importa, pois, pra mim, o valor será o mesmo!
    Beijos e, mais uma vez, me desculpe por não ter respondido de pronto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem problema Viviani, você é um querido, valeu a sua visita aqui. Obrigada!!!!

      Excluir
  10. Sandra, perante tanta guerra, violência e destruição que grassa pelo mundo, esta sua mensagem forte é muito preciosa e poderosa. Parabéns!

    beijinho
    Fê.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fê, que agradável visita...eu tenho visitado pouco, problemas com a internet, aqui em casa. Logo eu, que estou com o blog há tão pouco tempo fico impossibilitada de visitar os amigos. Aqui, agente nunca sabe quando vai estar conectada. Estamos esperando um técnico ainda essa semana. A 'OI' aqui é complicada, em Salvador. Mas amei a sua presença. Obrigada por ter apreciado a minha crônica, amiga. Uma semana abençoada.

      Excluir
  11. "vitórias geradas pelas grandes paixões" - perfeito!

    Isso é um instigante mapa para quem se põe a viver intensamente.

    ResponderExcluir